Você está aqui:

Notícias

Segov e Seplag capacitam municípios para implantação do MEG

O Governo de Minas Gerais, por meio das Secretarias de Estado de Governo (Segov) e de Planejamento e Gestão (Seplag), deu início, nesta segunda-feira (2/3), ao treinamento dos municípios para implantação do Modelo de Excelência em Gestão (MEG-Tr).  

O Modelo é formado por padrões de referência para a gestão organizacional, constituídos pela integração e compilação de boas práticas de gestão. O objetivo é garantir o aprimoramento organizacional, o aperfeiçoamento dos fluxos e práticas, a maximização dos níveis de eficiência e efetividade e, também da capacidade de geração de valor.

A partir de 31 de março de 2020, para receber recursos de transferências voluntárias da União, 66 municípios mineiros que possuem mais de 50 mil habitantes passam a ter a exigência de implantação do MEG-Tr, conforme estabelecido na Portaria n.º 66, de 31 de março de 2017, e na Instrução Normativa n.º 05, de 24 de junho de 2019.

Os servidores municipais foram treinados pela diretora Central de Gestão de Convênios de Entrada da Seplag, Caroliny Miranda, que é responsável pela Rede +Brasil em Minas Gerais. 

Caroliny Miranda apresentou os sete fundamentos do MEG-Tr e a forma de adesão ao modelo, como: formação de comitê com gestor municipal e demais membros oriundos de áreas diversas, permitindo um olhar sistêmico da prefeitura; preenchimento das respostas para as 148 alíneas do Meg-Tr; criação de conta na plataforma e aprovação dos membros pelo gestor municipal. 

Ao final da apresentação, os representantes dos municípios tiveram a oportunidade de esclarecerem as dúvidas com a diretora. 

Plataforma +Brasil 

A Rede +Brasil é uma rede de governança colaborativa para o desenvolvimento de ações voltadas à melhoria dos processos de gestão das transferências da União, por meio da Plataforma +BRASIL, antigo Siconv. A Rede atua em três eixos fundamentais: melhoria da gestão nos processos; capacitação dos usuários da Plataforma +BRASIL; e comunicação e transparência das transferências da União executadas na Plataforma.