Você está aqui:

Notícias

Diretor do Bird conhece os projetos de Minas

18/05/2017

O futuro diretor para o Brasil do Banco Mundial (Bird), Makhtar Diop, está nesta terça-feira (09/12), em Belo Horizonte, para uma agenda de trabalho. Ele assumirá o cargo em janeiro de 2009 e o objetivo da visita é conhecer de perto os projetos do governo de Minas que contam com financiamento daquela instituição multilateral de fomento.

Na parte da manhã, ele se reuniu com a secretária de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, para discutir os projetos estruturadores do governo de Minas, especialmente aqueles vinculados ao empréstimo de US$ 976 milhões, que o Bird concedeu ao Estado. Segundo a coordenadora do Programa para Redução da Pobreza e Políticas Públicas do Banco, Débora Wetzel, Minas Gerais é, hoje, um laboratório para a instituição, no que se refere a novas formas de parceria.

Lembrando ser o Estado uma síntese do Brasil, onde convivem áreas de pobreza com outras desenvolvidas, a técnica disse que, em Minas, podem ser feitas algumas experimentações. Uma delas foi a forma do empréstimo firmado, no qual, a contrapartida do Estado, ao invés de ser financeira, são os resultados obtidos em cada projeto.

A secretária Renata Vilhena explicou que o cumprimento dessas metas faz parte do acordo de resultados, pactuado com as diversas secretarias. Entre as metas que integram o contrato de empréstimo, ela citou o aumento no número de crianças que conseguem ler com oito anos de idade, a redução no número de dias gastos para se abrir uma empresa e a melhoria da infra-estrutura do estado, com o aumento do número de municípios que contam com ligação asfáltica.

Dos US$ 976 milhões, Minas já recebeu US$ 195,5 milhões. Outros US$ 150 milhões estão em processo de solicitação e devem ser internalizados em janeiro próximo. A parcela para liberação no ano que vem é de R$ 390 milhões, enquanto que, em 2010, deverão ser liberados US$ 222 milhões. O restante – US$ 18,5 milhões – é para assistência técnica ao convênio, sendo liberado ao longo do programa por demanda.

Makhtar Diop vai substituir John Briscoe na função.

Notícias relacionadas

Minas Gerais lança a campanha “Vamos juntos dar um basta ao trabalho infantil”
12/06/2017

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado do Trabalho  e Desenvolvimento Social, lançou nesta segunda-feira (12/6), a campanha “Vamos juntos dar um basta no trabalho infantil”. A estratégia, apresentada na data em que se celebra o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil.

Projeto leva conhecimento agroecológico a jovens de centro socioeducativo do Estado
13/06/2017

O mundo dos menores abrigados em instituições socioeducativas -- após a prática de atos infracionais -- pode ser menos sofrido, mais produtivo e capaz de ajudar na ressocialização. A privação de liberdade como medida socioeducativa está prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Governo de Minas Gerais e MP assinam pacto para ampliar vagas para adolescentes em conflito com a lei
21/06/2017

Numa lógica de consenso e cooperação, o foco desta Comissão Especial é a execução de metas do Plano Decenal do Socioeducativo (PDAS-MG). O termo de pactuação estabelece compromissos a serem cumpridos por todas as instituições envolvidas para a execução da 1ª etapa deste Plano.