Você está aqui:

Notícias

Comitê Gestor Pró-Rio Doce acompanha ações da Fundação Renova na região de Mariana

A secretária-adjunta da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), Luísa Barreto, que coordena o Comitê Gestor Pró-Rio Doce, participou, nesta quinta-feira (14/11), de uma visita guiada da Fundação Renova na área atingida pelo rompimento da Barragem de Fundão, em 2015. O objetivo é acompanhar e verificar a efetividade das ações que estão sendo executadas no território.

O Comitê visitou o local da construção do novo Bento Rodrigues, reassentamento que irá acomodar os atingidos da comunidade – a primeira afetada e completamente destruída pelo rompimento da barragem. A previsão é que as primeiras casas fiquem prontas no próximo ano. A visita também incluiu o vilarejo de Paracatu de Baixo, que também foi atingido.

Na ocasião, foram avaliadas intervenções ambientais, como as voltadas para a recuperação do rio Gualaxo do Norte, pertencente à bacia do rio Doce, e também de restauração de peças de arte e de patrimônio que foram resgatadas na região.

“Essa visita é muito importante para que a gente veja in loco se as ações executadas são de fato efetivas ou não. O Comitê Pró-Rio Doce tem como objetivo organizar a atuação do Estado para uma reparação mais célere e mais efetiva. Por isso, temos que verificar como são as ações da Renova, se estas ações estão sendo bem recebidas pela comunidade e se elas estão de fato gerando resultados”, afirmou Luísa.

Segundo a secretária-adjunta, o momento atual, dentro da lógica de governança do desastre do Rio Doce, é de revisão dos programas. Essa fase está prevista para começar na próxima semana e vai até março de 2020. “Avaliar o que tem sido feito e se está sendo efetivo é fundamental para que o Comitê construa uma visão adequada sobre as ações que precisam ser feitas e os programas que têm que ser remodelados”, completou.