Você está aqui:

Notícias

FJP divulga projeções populacionais para Minas Gerais

Fundação João Pinheiro divulga projeções populacionais para Minas Gerais e seus Territórios de Desenvolvimento

Pesquisa inédita apresenta dados elementares para previsões de demandas em diversas áreas da gestão estadual

 

Fornecer um panorama geral da dinâmica populacional do Estado, dos Territórios de Desenvolvimento e de todos os municípios de Minas Gerais, por sexo e grupos de idade. Este é o objetivo do estudo Projeções populacionais: Minas Gerais e Territórios de Desenvolvimento 2010-2060, lançado pela Fundação João Pinheiro em outubro.

Parte da série de publicações Estatística e Informações - Demografia e Indicadores Sociais, a pesquisa teve como base as projeções populacionais realizadas pelo IBGE para o intervalo de 2010 a 2060.

De forma inédita, a Fundação João Pinheiro ampliou os dados sobre os 853 municípios mineiros incluindo recortes por sexo, faixa etária e para os 17 Territórios de Desenvolvimento até o ano de 2040, por quinquênio, por sexo e por grupos quinquenais de idade.

 

Relevância

As informações disponibilizadas pelas projeções populacionais fornecem ao poder executivo de Minas Gerais dados que permitem antecipar possíveis demandas nas áreas de saúde, habitação, educação e saneamento básico, entre outras, norteando o planejamento e a implementação de políticas públicas.

A pesquisa da Fundação João Pinheiro revela a continuidade do acelerado processo de envelhecimento da população, caracterizado por uma contínua queda do ritmo de crescimento nas próximas décadas, e por decrescimento a partir de 2040.

“O estudo aponta para a convergência da velocidade de crescimento das populações dos Territórios de Desenvolvimento mineiros, ao longo do período, com diminuição do diferencial entre eles e mostra que alguns Territórios já começarão a perder população na década de 2030. Embora permeada por diferenças, essa tendência deverá ser seguida por todos os territórios até 2020”, afirma a pesquisadora e coordenadora do projeto, Denise Maia.

 

Resultados 

Entre 2030 e 2040, as populações dos territórios do Alto Jequitinhonha, Caparaó, Baixo e Médio Jequitinhonha, Mucuri, Sudoeste e Vale do Rio Doce tendem a diminuir e, nos demais territórios, embora em menor ritmo, a expectativa é de crescimento.

Entre os dez municípios com as maiores taxas de crescimento populacional de Minas Gerais entre 2010 e 2020, quatro pertencem à Região Metropolitana de Belo Horizonte (Vespasiano, Betim, Ibirité e Ribeirão das Neves) e os demais, aos territórios Norte, Noroeste e Vale do Aço.

Ao final do período analisado, as participações relativas de idosos e jovens no total da população de cada território deverá apresentar equilíbrio e, de forma geral, tanto no estado quanto nos Territórios de Desenvolvimento, espera-se a diminuição das razões de dependência dos jovens e incremento das razões de dependência dos idosos.

 

Perspectivas 

A tendência de diminuição do quantitativo de jovens indica a necessidade de investimentos públicos em serviços de qualidade para esta parcela da população, principalmente nas áreas de educação básica e saúde. Por outro lado, o aumento do número de idosos acarretará, ao longo do tempo, forte pressão sobre o sistema de seguridade social, especialmente em saúde e previdência social.

“Neste cenário, medidas emergenciais e estruturais voltadas para setores específicos da população deverão entrar nas agendas governamentais para diminuir os reflexos da redução da população em idade produtiva e o envelhecimento populacional”, conclui Denise Maia.

Notícias relacionadas

Governador destaca ações do Estado para a economia durante o Conexão Empresarial, em Tiradentes
12/06/2017

O governador de Minas, Fernando Pimentel, participou nesta sexta-feira (9/6) do Conexão Empresarial, em Tiradentes, quando destacou ações recentes do governo estadual para incentivar a economia mineira, além de medidas que já resultaram em melhorias na prestação de serviços como segurança e saúde.

GOVERNO DIVULGA CALENDÁRIO DE PAGAMENTO DE SERVIDORES
01/08/2017

O Governo de Minas Gerais anunciou nesta segunda-feira (31/07) o novo calendário de pagamento dos salários dos servidores públicos estaduais para os próximos dois meses. As datas de pagamento em agosto são: 11, 23 e 30. Em setembro os servidores receberão nos dias 13, 21 e 27.

Fórum reúne gestores estaduais de Relações Internacionais pela primeira vez em Minas Gerais
31/08/2017

Realizado em dois dias (29 e 30/8), o Fórum RI 27 ocorreu no Palácio Tiradentes, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte. No primeiro momento, a principal atividade foi o lavramento do regimento interno do Fórum, momento considerado histórico pelo presidente e demais participantes.