Você está aqui:

Notícias

Estado inicia credenciamento para o Certifica Minas

Governo do Estado inicia credenciamento de consultores para o Certifica Minas

Com a expansão do programa, o objetivo é aumentar o número de técnicos habilitados na assistência técnica aos produtores interessados na certificação, que deve ser feita junto à Seapa

 

Instituições privadas e profissionais autônomos já podem se credenciar para a prestação de serviços de assistência técnica no Programa de Certificação de Produtos Agropecuários e Agroindustriais do estado (Certifica Minas). 

O processo para o credenciamento e as condições para o modelo da parceria público-privada foram regulamentados pelo Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). O credenciamento será realizado pelo grupo gestor do Certifica Minas, composto por representantes da secretaria de Agricultura e dos órgãos vinculados ao sistema: Emater-MG, Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e Epamig.

Segundo o superintendente de Abastecimento e Economia Agrícola da Seapa, João Ricardo Albanez, o Programa Certifica Minas, implementado em janeiro deste ano, transformou em política pública todas as ações de certificação agropecuárias que já estavam sendo realizadas, incorporou novos produtos agropecuários e ainda trouxe a perspectiva de expansão dos mercados para os produtos certificados.

“Com o crescimento da demanda e a valorização do consumidor pelos produtos diferenciados, o objetivo da secretaria de Agricultura é ter um maior número de técnicos credenciados, prestando assistência técnica e ajudando os produtores a alcançar os pré-requisitos necessários à certificação de sua produção”, explica o superintendente.

Sócia-proprietária da Compartveg, empresa de consultoria voltada para a qualidade e segurança dos alimentos, há dez anos no mercado, Mírian Xavier detalha as mudanças que tem observado, quando se fala em certificação e mercado para os produtos diferenciados.

“Nossa empresa atende todo o país e percebemos que o consumidor está exigindo qualidade, mas não só no visual e no sabor. Ele está procurando por alimentos saudáveis e quer consumir produtos com procedência de origem conhecida, garantida pela rastreabilidade; quer saber quem está produzindo e em que região e quer comprar produtos que trazem informações que garantam a segurança daquilo que ele está consumindo. E tudo isso é assegurado pelos processos e certificação”, avalia.   

No meio desse ano, a Compartveg iniciou os trabalhos de certificação de frutas, dentro do programa Certifica Minas.Governo do Estado inicia credenciamento de consultores para o Certifica Minas

“De lá para cá, já temos seis propriedades voltadas para a fruticultura sendo organizadas para receberem a certificação, e temos uma listagem grande de outros produtores interessados. O resultado maior que a gente observa não é só o papel, mas são os avanços e o domínio que os produtores passam a adquirir na gestão e gerenciamento de sua atividade", afirma a consultora. "É um movimento crescente que envolve toda a cadeia produtiva, desde o produtor até a indústria e o varejo”, complementa. 

 

A Certificação em Minas

O sistema operacional da Agricultura desenvolve ações de certificações agropecuárias há mais de uma década. Com a transformação das ações em política pública, novos segmentos foram incorporados, com a elaboração de manual de conduta, normas de certificação e boas práticas a serem seguidas em cada área específica.  Café, leite, cachaça, algodão, carne bovina, frango caipira, frutas, queijos artesanais, orgânicos e produtos SAT (Sem Agrotóxicos) são alguns dos segmentos atendidos no programa Certifica Minas.

A adesão do produtor ao programa é voluntária e cabe ao IMA realizar as auditorias de conformidade nas propriedades e empreendimentos agroindustriais e emitir certificados e autorizações para o uso do selo de conformidade do Certifica Minas. O credenciamento do produtor tem validade de três anos, sendo necessária a renovação no final do período.

 

Cadastramento

Instituições privadas e profissionais autônomos interessados em trabalhar como consultores de assistência técnica na área de certificação devem encaminhar a solicitação por meio de envio de documentos à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, aos cuidados do Grupo Gestor do Programa Certifica Minas, no endereço: Rodovia Papa João Paulo II, 4001 - Cidade Administrativa – Edifício Gerais – 10º andar CEP: 31.630-901.

Notícias relacionadas

Iniciadas as obras para construção do Centro de Capacitação da Epamig
13/11/2017

O Capacitação ocupará os três pavimentos do prédio reformado. No projeto, está prevista a criação de 14 salas de aula, salas de estudo individual e coletivo, sala multimeios e de reunião, além de 12 apartamentos com banheiros privativos para hospedar interessados em participar dos cursos do ILCT.

Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais de 2017 entra na reta final
14/11/2017

Serão selecionadas 24 amostras finalistas, divididas em duas categorias. Os classificados estarão na solenidade de encerramento, onde serão feitos o anúncio dos vencedores e a premiação. O evento está marcado para o dia 4 de dezembro (segunda-feira), na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

Coleta itinerante recolhe mais de 102 toneladas de embalagens vazias
16/11/2017

A coleta foi realizada pelo IMA, em parceria com o Inpev, em cerca de 60 municípios do estado. Aproximadamente 4 mil agricultores participaram da ação. A etapa mais recente dessa coleta ocorreu no entreposto da Ceasa Minas, em Contagem, nos dias 6, 8 e 10 de novembro.